Instagram Feed

    Vision Board – Manifesta a vida dos teus sonhos

    manifesta a vida dos teus sonhos

     

    Já alguma vez criaste um vision board? Sabes o que é e qual a sua utilidade? No artigo de hoje venho falar-te sobre esta prática e os seus benefícios para que possas criar o teu já para 2019.

     

    Também podes ver o vídeo:

     

    Na sequência desta minha publicação no Instagram:

    percebi que há muito interesse neste tema, por isso decidi falar-vos mais sobre ele.

     

    O que é um vision board e qual a sua utilidade?

    Para quem não está familiarizado com o termo, um vision board é uma ferramenta de visualização composta por imagens e palavras que representam os nossos objetivos e os nossos sonhos.

    O objetivo de criarmos um vision board é, antes de mais, mantermos os nossos sonhos e os nossos objetivos bem presentes de forma regular para nos ajudar a manter o foco.

    Para vos mostrar o impacto que um vision board pode ter na nossa motivação e no nosso foco quero partilhar convosco alguns conceitos importantes sobre esta matéria.

    É necessário, então, termos em consideração que, como afirma Tony Robbins, “Where focus goes, energy flows”. Isto é, o local para onde vai o nosso foco é também aquele para onde a nossa energia vai.

    Mais do que isso, um dos pressupostos da Programação Neurolinguística (PNL) é: “O que foca, aumenta.” Isto significa que ao colocarmos o nosso foco nos nossos objetivos vamos estar a aumentá-los e, como tal, é mais provável que se tornem realidade.

    E isto acontece, unicamente, devido à forma como o nosso cérebro funciona.

    Refiro-me, concretamente, ao sistema de ativação reticular (SAR). Este sistema, presente no nosso cérebro, seleciona a informação que é mais relevante para nós.

    Um exemplo da forma como este sistema funciona é quando, por exemplo, compramos um carro que pensamos que ninguém tem, mas, quando saímos do stand, começamos a ver carros como o nosso por todo o lado. Isto não significa, naturalmente, que tenha passado a haver, de repente, mais carros iguais ao nosso; simplesmente, a nossa atenção, o nosso foco, está mais direcionada para aquele objeto. O mesmo acontece, dizem, com mulheres grávidas que, ao saberem dessa sua condição, começam a identificar muitas outras mulheres grávidas. Isto é o nosso cérebro a mostrar-nos que está atento àquilo que é importante para nós.

    Com tanta informação à nossa volta, é impossível ao nosso cérebro apreender tudo. Por exemplo, quando entramos num espaço novo, há muita coisa para o nosso cérebro processar, mas ele, como é seletivo e gosta de poupar energia, vai colocar a sua atenção naquilo que é mais importante para nós e é isso que vai reter.

    Portanto, quando estamos constantemente a chamar a atenção do nosso cérebro para os nossos objetivos, ele vai automaticamente colocar a maior parte do seu foco aí. Isto significa que, por exemplo, vamos estar muito mais alerta para oportunidades que possam surgir relacionadas com os objetivos que queremos alcançar. Ou, então, que vamos ter mais ideias relacionadas com esse(s) objetivo(s) quanta mais atenção dirigirmos para esse(s) mesmo(s) objetivo(s).

    Ter uma ferramenta visual para a qual olhamos com regularidade e que representa todos os nossos objetivos leva o nosso cérebro a focar-se em tudo o que está relacionado com isso.

    Além disto, por ser uma ferramenta criativa e visual, o vision board pode ainda contribuir para um aumento da motivação para darmos os passos necessários para a concretização dos nossos objetivos.

    Isto está também relacionado com a lei da atração. Já abordei este conceito noutros artigos e, oportunamente, falarei mais sobre ele. A Lei da Atração funciona por causa da forma como o nosso cérebro funciona.

     

    Como fazer um vision board?

    No que diz respeito à concretização de um vision board na prática, há vários tipos de vision board.

    Podemos aproveitar agora o final do ano e criar um vision board para o próximo ano, mas podemos também criar um vision board para os próximos 10 anos. Podemos ter um vision board geral ou um para cada área da nossa vida. Depende sempre daquilo que pretendemos focar.

    Para o podermos fazer, temos de ter já os nosso objetivos e sonhos definidos, temos de criar, no fundo, uma visão para o futuro, mesmo que este futuro seja só o próximo ano. É aqui que tudo começa.

    Para chegarem a estes objetivos podem usar o journaling. Esta prática ajuda imenso na definição de objetivos e na criação de uma visão para o futuro. Há perguntas de journaling poderosas que nos ajudam a chegar a algumas respostas importantes para depois podermos criar um vision board verdadeiramente alinhado com aquilo que queremos para a nossa vida.

    Há várias formas de criar um vision board, mas no fundo, um vision board resulta da junção de palavras, frases e imagens (fotografia ou desenhos) na mesma superfície. Esta superfície pode ser uma cartolina, uma folha A3 ou A4 ou um quadro de cortiça com pioneses. Até pode mesmo ser um board no Pinterest, ainda que, na minha opinião, seja mais benéfico ter algo físico que nos permita fazer trabalho manual, mexer nos materiais, cortar, colar…

    Podemos procurar os materiais em revistas, mas podemos também procurar as imagens na internet. Podemos escrever as palavras que queremos incluir à mão ou num ficheiro word, imprimir, recortar e colar. Podemos desenhar, incluir cores, texturas, padrões… Ou seja, é um mundo de possibilidade e podemos incluir aquilo que quisermos e que nos permita, depois, ficarmos com algo que realmente represente aquilo que queremos para o nosso futuro.

    É muito importante, também, incluirmos representações visuais da forma como nos queremos sentir, para além dos objetivos mais concretos. Por isso, é fundamental selecionarmos imagens e palavras que nos ajudem a visualizar aquilo que queremos sentir.

    Além disto, é importante também revisitarmos o vision board todos os dias, visualizarmos como é que vamos concretizar a nossa visão e, mais importante ainda, olharmos para o nosso vision board como se tudo aquilo já fosse real, como se já tivéssemos concretizado tudo aquilo a que nos propomos. A energia que vamos sentir ao fazer isto, ao olharmos para o nosso vision board com a sensação de que é algo que estamos, de facto, a conquistar, é totalmente diferente da que sentiríamos se encarássemos o nosso vision board como um quadro de objetivos que ainda estão longe de serem alcançados. Afinal, a energia que colocamos nas coisas é determinante na nossa motivação.

    Quando colocamos palavras ou frases no nosso vision board, podemos ainda lê-las em voz alta, pois isto também ajuda a trazer o sentimento de concretização para o momento presente.

    Por último, também não nos devemos esquecer de sentir gratidão por tudo aquilo que está no nosso caminho e que está ali representado no nosso vision board. Também isto vai fazer diferença na nossa energia.

     

    Ainda antes de terminar, quero dar-vos uma novidade relacionada com este tema: já em janeiro, vou promover o workshop “Manifesta a vida dos teus sonhos”, dedicado ao journaling e à criação de um vision board. Vai ser um workshop muito prático, do qual sairão com o vosso vision board criado e para o qual eu levarei todos os materiais necessários. Podem aproveitar esta sessão para criarem o vosso vision board para 2019.

    Conto convosco? Vê todos os detalhes na página do workshop.

     

    Vision Board: uma ferramenta poderosa de visualização e manifestação que te ajudará a co-criar a realidade com que sonhas.

    Post A Comment